terça-feira, 15 de dezembro de 2009

2009 / 2010. Festas Felizes, Ano próspero.

A quem, durante este ano de 2009, aqui veio bater à porta e deixar uma palavra, de apoio ou de crítica, e a quem apenas por aqui passou e espreitou, os meus votos de Boas Festas natalícias e de um ínico de 2010 promissor de um ano melhor que todos os demais até agora, especialmente quanto a saúde e, porque não, vil metal q.b., para que não falte a felicidade completa.
Até ao próximo ano.






Tu que dormes à noite na calçada do relento
Numa cama de chuva com lençóis feitos de vento
Tu que tens o Natal da solidão, do sofrimento
És meu irmão amigo
És meu irmão

E tu que dormes só no pesadelo do ciúme
Numa cama de raiva com lençóis feitos de lume
E sofres o Natal da solidão sem um queixume
És meu irmão amigo
És meu irmão
Natal é em Dezembro
Mas em Maio pode ser
Natal é em Setembro
É quando um homem quiser
Natal é quando nasce uma vida a amanhecer
Natal é sempre o fruto que há no ventre da Mulher

Tu que inventas ternura e brinquedos para dar
Tu que inventas bonecas e combóios de luar
E mentes ao teu filho por não os poderes comprar
És meu irmão amigo
És meu irmão


E tu que vês na montra a tua fome que eu não sei
Fatias de tristeza em cada alegre bolo-rei
Pões um sabor amargo em cada doce que eu comprei
És meu irmão amigo
És meu irmão

Natal é em Dezembro
Mas em Maio pode ser
Natal é em Setembro
É quando um homem quiser
Natal é quando nasce uma vida a amanhecer
Natal é sempre o fruto que há no ventre da Mulher


Quando Um Homem Quiser, por Ary dos Santos

2 comentários:

xistosa - (josé torres) disse...

Natal também é quando desfolhamos o calendário e só nos resta o resto ...
Não tenho passado por aqui.
Ao redor da vida, por vezes esta prega-nos partidas, mesmo que não a nós propriamente.
Mas temos que viver e prosseguir.
Quero, também, engrandecer as palavras de Ary dos Santos que nos deixou este "HINO" (e muitos mais).
Então que a crise nos aperte e comprima tanto, que tenhamos de espremer os nossos políticos.
Ah! Que não te falte a saúde e os entes queridos, numa atmosfera de confraternização.
Tudo de bom.

Um abração.

alfacinha disse...

desejo-lhe boas festas e toda a felicidade do mundo
saudações de Antuérpia