quarta-feira, 27 de junho de 2007

Bruges - Retorno

Conhecida pela Veneza do Norte, das cidades belgas que conheço Bruges é, para mim, simplesmente a mais bonita.

Com o seu estilo medieval, bem conservado, carregada de história em cada canto, canais românticos atravessados por barcos a motor carregados de turistas, com uma atmosfera alegre, nos dias de sol a capital da província “Flandres Oeste” torna-se ainda mais bonita.

No largo principal, cheio de restaurantes e bares, não resisto a sentar-me para uma refeição, com uma Kwak fresquinha à entrada, normalmente a empurrar umas gambas ao alho.

Trago aqui de novo, agora com mais fotos e nova apresentação das mesmas, o meu olhar sobre Bruges, apresentado a 23.04.2007.

Lembram-se?




Boa semana.

6 comentários:

xistosa disse...

Recordo-me e, na altura, comparei Bruges a Aveiro.
Doce engano ... (Aveiro, tem os oves moles e Bruges, o chocolate que detesto, mas detesto mesmo)
Afinal, aprimorando a visita, distinguem-se as abissais dissemelhanças!

Gi disse...

Então não lembro? Deliciaste-nos com as fotografias, ainda as retenho na memória. É bom saber que nem tudo foi perdido.

Um beijinho para ti, noite feliz

victorcarrilho disse...

... sou um provinciano, não conheço Bruges tal como não conheço 99,99% da Europa e do Mundo, mas, conheço 99,99% deste torrão à beira mar plantado e acredito que deve ser óptimo poder, tal como o xistosa, comparar Bruges a Aveiro...! Ainda bem que ele detesta chocolate, assim Aveiro ganha em alguma coisa...!!!!!

marta disse...

Lembro-me muito bem desse post.

O que eu gosto de ovos moles de Aveiro. São os únicos de que gosto.

Pitucha disse...

Além de tudo o que dizes, Brugges é ainda, para mim, memórias de tempos de estudante!
Beijos

Anónimo disse...

He visto todas las fotos de Bruges, es cierto hay unas cuantas muy muy bien ;-)

CARMEN