sábado, 12 de janeiro de 2008

Ùùuuuúúúúúúúúhhhhúuuuuuu!!

Partiiiddaaaaa!
Eu no padrão de Sagres.
S U U R P R E E E S A A A !


Deixando a Ponta de Sagres, onde me pendurei ao lado do padrão, marchei rumo a uma mancha de edificações que se via para o lado direito da costa.


Estava na hora de meter algum combustível no... "je", que a hora de almoço estava quase a apagar-se. E na Ponta de Sagres não havia oferta nenhuma de refeições ou coisa parecida.

Fui até Baleeira, onde me encostei à mesa de um restaurante, a fazer festas a um peixinho grelhado, lá bem no alto da povoação.

Depois de dar umas voltinhas por ali, Lagos foi a próxima paragem. Há muitos anos que não a visitava. A cidade mantém a sua beleza, com alguns melhoramentos e, fora do perímetro antigo, alguns estragamentos. Se já sou pouco condescendente com a selva de betão em cima da costa algarvia, numa cidade que se demarca pelos traços típicos e históricos, não gosto, de todo, de ver brotar cimento como cogumelos sob a forma de caixotes. Fiquei-me pela parte histórica.

Por agora, vou deixar a máquina da fumarola e levantar voo.


17 comentários:

alfacinha disse...

Lagos e Sagres já acabaram 27 ano que estive ali, aquela fortaleza em Sagras tinha alguma coisa sagrada e a ambiente bondosa de lagos fazia me um amador para sempre de Portugal. Talvez faça o betão aqueles sítios algarvios um pouco menos sociável, mas o amor ficou.
Os cumprimentos ,fotografias lindas

Anónimo disse...

Je vous trouve trrrès beau !!! :-)
Maïca

xistosa disse...

Já limpei os pés!
Já me descalcei!
Já me equipei para uma partida de ténis!
Já vesti o fato de mergulho, que me enfarinhou todo, pois tenho-o em quilos de pó de talco!
Já vesti o biquini, tipo "mamãe não dêxa"!
Está difícil viajar na Bélgica, digo no Belgium Tugadois ... nem sei se entrei pela janela se pela porta das trazeiras ...
valha-me ao menos o peixinho grelhado.
Fiquei com fome, pois acho que deveria ter sido um peixe, mas a verdade é que não aproveitei a "carne" encostada à espinha ...
Até os vizinhos ficaram a olhar, pensavam que era um assaltante, tantas voltas dei ao blog.
Um abraço e que nunca falte um rolo na máquina ou cartão e o príncipal, o olho do "profissional".

marta disse...

A última vez que estive na Ponta (raio de nome) de Sagres também não havia onde comer.
Será que os senhores das cãmaras não percebem que um restaurantezinho vinha mesmo a calhar?

Será que acham que estragaria a paisagem?

São burros o quê?

marta disse...

As tuas fotografias são tão lindas.

Não me deixas e ensinas, nestas móveis, a tirar de vez em quando uma para o blog?

Digo sempre de quem são, quando sei....

AGRIDOCE disse...

ALFACINHA,

Apesar de tudo... Lagos continua uma cidade bonita.

Cumprimentos.

AGRIDOCE disse...

MAÏCA,

Ah, mas foste tu que me conseguiste aumentar e ver-me na foto que publico?

AGRIDOCE disse...

XISTOSA,

Dificuldade em entrar nesta casa de porta franqueada?

Testei e perguntei a outros utilizadores e ninguém se queixou. Pelo sim, pelo não, reduzi o número de posts expostos. Agora já está mais fácil?
O peixinho foi mesmo isso, peixinho e não peixe. Soube-me a pouco e, quando assim é...

A máquina está sempre "enrolada" e até já comprei mais um rolo, não vá o outro encher quando estiver na melhor paisagem.

AGRIDOCE disse...

MARTA,

Tens alguma coisa contra as "pontas"? :)

De facto, há por lá um self-service preparado, no interior da muralha. Acontece que estava fechado. não perguntei, mas creio que no inverno não justifica estar aberto.

Quanto a usar coisas deste blogue, ele é teu também. Serve-te. Tal como te disse quanto aos textos, digo o mesmo quanto às fotos. Será uma honra para mim algo deste blogue ser elevado até ao teu.

xistosa disse...

Eu ainda estou atrasado em relação ás modernidades ... ou as mmodernidades estão adiantadas e não tenho pedalada!
É mesmo isto ...
O peixinho ainda ia ... mas o resto, vai, mas com muita dificuldade!!!

Ana-Catarina disse...

Cliquei na foto em que estas enconstado ao Padrao para poder ve-la ampliada e...nada! Cade o Agridoce? Hmmm, assim nao vale :))

Jinhos.

AGRIDOCE disse...

XISTOSA,

Continuo sem perceber a tua dificuldade, mas... aceito que nalgumas zonas seja mais difícil entrar no blogue, que noutras.

AGRIDOCE disse...

ANA-CATARINA,

Pronto, agora ficou esclarecido o mistério dos 2 cliques na foto onde está o padrão e o Agridoce encostado.

Gostaste da surpresa?

Bjinhos.

Ana-Catarina disse...

Agridoce,

Continuo a não conseguir ver a tua foto. Nem com 1 nem com 2 cliques. Mas que mistério, heim??

Jinhos.

AGRIDOCE disse...

ANA-CATARINA,

Foi uma brincadeira "surpresa" que deixei. Linquei, quer a foto, quer os pequenos textos sobre a mesma, ao slidshow de fotos que, mais tarde, coloquei a correr no post.

Admiro-te por teres sido a/o única/o visitante que, sem rodeios, caiu na brincadeira e confessou. Podes ficar descansada que não foste a única, e deves ficar orgulhosa por teres admitido.

Beijinho para ti.

Ana-Catarina envergonhada disse...

Detesto-me por ser tao ingenua, por vezes. A ver se da proxima nao caio :))

Jinhos!

AGRIDOCE disse...

ANA-CATARINA,

Não fiques envergonhada.

Foi só uma brincadeira.

Desculpa.

Um grande beijinho.